quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Corredor exclusivo para ônibus na EPNB atenderá 415 mil pessoas diariamente

22/12/2011 - Correio Braziliense

Com mais de um mês de atraso, o corredor exclusivo para ônibus será implantado na Estrada Parque Núcleo Bandeirante (EPNB). A partir da próxima terça-feira, os carros de passeio e caminhões ficarão proibidos de circular na faixa da direita entre os viadutos do Pistão Sul, em Taguatinga, e da Candangolândia nos dois sentidos. A medida atingirá cerca de 415 mil pessoas e faz parte de um pacote do Governo do Distrito Federal (GDF) para priorizar o transporte público coletivo. Durante o próximo ano, outras sete vias do DF receberão os corredores exclusivos para coletivos. O Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans) também vai estudar se será necessário proibir o tráfego de caminhões na via durante os horários de pico.

O DFTrans escolheu a EPNB para implantar a primeira faixa exclusiva para ônibus devido à quantidade de pessoas que trafegam pela via. São 42.154 passageiros nos coletivos e 23.173 nos carros, somados os horários de pico da manhã e da tarde/noite. Do total de veículos que circulam pela via, apenas 6% são ônibus, mas eles transportam 70% das pessoas. Para o diretor-geral do DFTrans, Marco Antônio Campanella, a medida contribuirá para a melhoria do tráfego no local e do transporte público. “Essa é a prioridade e o governo está devendo isso à população. Com os corredores, o fluxo de veículos terá mais rapidez e fluidez”, garantiu. Segundo ele, a principal queixa dos usuários é o tempo da viagem. Com o corredor, serão economizados de 10 a 20 minutos nos dois sentidos da via, de acordo com estimativas do DFTrans.

A cinco dias da implantação do corredor exclusivo para ônibus, os motoristas ainda não sabem da medida. Apenas uma faixa branca de 25cm de largura, pintada somente em um trecho da via, no início da EPNB, indica alguma mudança. Campanella informou que o órgão iniciará uma campanha educativa e, aos poucos, a via será sinalizada horizontal e verticalmente. Para não pegar nenhum motorista de surpresa, o diretor-geral do DFTrans afirmou que não haverá punição para os condutores nos primeiros dias após a implantação. “Não multaremos na fase inicial, mas colocamos quatro câmeras que serão monitoradas pelo Centro de Controle Operacional do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), além de policiais e agentes durante todo o dia no local”, adiantou.

O taxista Waldir Cruzeiro, 53 anos, morador de Ceilândia, aprovou a ideia. Ele passa pela via todos os dias para ir e voltar do trabalho. “Isso precisa ser bem estudado para não atrapalhar aqueles motoristas que precisam entrar nos retornos, mas pode melhorar bastante o fluxo porque muitos ônibus param em fila dupla e atrapalham o trânsito”, avaliou. Já o engenheiro de telecomunicações Ildebrando Neto, 37, morador do Park Way, não gostou da medida. “Acredito que vai piorar por conta do fluxo de carros concentrados em apenas duas faixas, principalmente no horário de pico. O principal problema nas vias do DF é a falta de policiamento, de orientação”, opinou.

Planos

Próximos corredores exclusivos a serem implantados:

» BR-020: entre Sobradinho I e a entrada da Ponte do Bragueto,nos dois sentidos

» BR-040: entre os viadutos de Santa Maria e da Candangolândia, nos dois sentidos

» Eixo Monumental: entre o Cruzeiro Velho e a Rodoviária do Plano Piloto, nos dois sentidos

» Avenida Hélio Prates: entre o centro de Ceilândia e o antigo Buritinga, nos dois sentidos

» DF-085: do Estádio Serejão ao Centro de Taguatinga

» Via Estrutural: entre a Cidade do Automóvel e a entrada do Viaduto Ayrton Senna, pela manhã

» Via Estrutural: entre o posto da Polícia Militar do DF e o viaduto do Pistão Norte, à noite


Fonte: Correio Braziliense (http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2011/12/22/interna_cidadesdf,283743/corredor-exclusivo-para-onibus-na-epnb-atingira-415-mil-pessoas-diariamente.shtml)

Nenhum comentário: